Quem Pode Resolver Nossos Problemas...

11:41 Any Olliver 0 Comments


Ainda se percebe muita expectativa depositada na chegada de um amor, onde se pensa que tudo será melhor. O pensamento de que um relacionamento pode curar todas nossas cicatrizes, é um pensamento tolo.
O foco de uma moça cristã não deve estar no pensamento de que, um namorado resolverá seus problemas. Mas no pensamento de deixar Deus resolver seus problemas, para então ter um namorado.
Um compromisso sério com alguém não resolve todos nossas dificuldades, se este vier na hora errada e com pessoas despreparadas, ele apenas acarreta mais algumas à lista!
O que há ainda uma grande necessidade de se compreender é que o parceiro não é Cristo. Ele não é um Príncipe de terras longínquas que virá busca-la para uma vida de bonança e risos sem fim. A decepção geralmente vem exatamente deste ponto, quando se percebe o óbvio: O parceiro é também humano, falho e muitas vezes sua companhia pode até amenizar as dores, mas não as eliminam.
Sim, lutar junto diminui a carga, sejamos verdadeiras, mas há lutas que são particulares. E como são!
A maioria dos problemas de solteirice não devem ser levados para um relacionamento, pois o mesmo já terá seus próprios dilemas para o casal passar unido. Tais problemas de solteira devem ser vencido mediante a comunhão e relacionamento sério com Cristo.
Nos dias atuais há muitos casamentos com bagagem excessiva. Ah, e o Eterno sabe como ela atrapalha! Além de não ser justa também para com o companheiro. Este é inclusive, um dos males de tentar curar feridas com um romance. Há cargas que o amado não pode suportar, e não a merece também. Aliás ninguém pode suportar. Apenas Cristo.
Ele uma vez já disse: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.” (Mateus 11:28)
E não: “Vá e encontre um romance, e assim achará descanso para vossas almas.”
Enquanto uma moça não compreender a isso, não estará pronta para ser metade para ninguém.
O segundo ponto tratado, o de não ser justo para com o parceiro, baseia-se neste pensamento: Quando se espera uma visita, ou a chegada de alguém, se deixa tudo na medida do possível, em ordem. Geralmente se prepara algo para servir, retira o pó, leva ao lixo o que tem de ir e compra coisas novas para adornar o ambiente se preciso for. Porque para com um relacionamento não seria assim? Nosso esperado não merece tudo um tanto arrumado? Não perfeito claro, pois com sua chegada as coisas irá irão se ajeitando e ficará mais fácil, como já bem dizemos aqui, mas ao menos aconchegante. Um ambiente onde ele percebe que era muito esperado.
Assim deve ser o pensamento das que desfrutam ainda da solteirice.
Se lutamos por ora desprovidas de companhia humana, então é porque não necessitamos de uma. O apóstolo Paulo declara crer nas Escrituras que “o Senhor, segundo as suas riquezas, suprirá todas nossas necessidades em glória” (Filipenses 4:19) e assim como ele, também creio no ABBA provedor. Porque seria diferente em nossas vidas sentimentais? Ele estaria atrasado no prover?!
Está também nas Escrituras que “onde estiver nosso tesouro, ali estará também nosso coração.” (Mateus 6:21) Que nenhuma moça faça da chegada de alguém seu tesouro, sua salvação. Mas que compreenda que nenhum lombo humano pode suportar nossas cargas, mágoas, pecados arraigados, adversidades, manias e dura personalidade, o qual tudo deve ser vencido com O Único que suportou o fardo de nos salvar mediante seu sacrifício na cruz e está disposto em nos ajudar a “arrumar a casa”.
Deus as abençoe.
Em amor: Any Olliver.

0 comentários:

Sua opinião é extremamente importante, Comente!