Ele pode acalmar nossas águas... || Fala Garota

15:26 Any Olliver 0 Comments


Já ouviu falar em aflição? Tenho certeza que mais que ouvir falar; já a conheceu de andar lado a lado com ela!
Aflição é assunto já conhecido por nós; jovens mulheres.
Não digo a aflição do mundo — essa bagunça que acontece desde o começo dos tempos — Mas a "nossa aflição", a de nosso íntimo, de nosso particular.

Ela é complicada, pois é só com a gente...
Pais? Mães? Até mesmo amigos íntimos?
— Eles não sabem. Eles não sabem de lá; de nosso coração.
Tem coisas, que só se passa entre Deus e a gente.
Mas não adianta e nem é certo, descontar sobre eles. Como acabou de ser dito: "Eles não sabem."
Não adianta idealizar na mente um mundo (aqui) onde todos nos entenderão e todos os demais contribuirão para um dia melhor para nós.

Mas voltando ao assunto;
Essa aflição também é muito comum, geralmente naqueles tempos de espera.
— Que difícil é ter que esperar algo que com tanta força temos buscado, e já idealizado em nossas mentes e corações, não?!
Oras, essa vida passa tão depressa porém parece que para nós "o tempo certo" está sempre atrasado...

A aflição é comum também quando estamos em pressão, quando decisões precisam serem tomadas e é confuso o caminho para descobrir "qual é a vontade de Deus, qual é a nossa."

Seguindo essa lógica, é fácil admitir que se entra na atmosfera do desiquilíbrio,
Ninguém é um lago parado ora essa! Os terremotos no mundo fazem nossa águas tremularem. Nem precisa-se de TPM para desmoralizar as coisas na região dos pensamentos e dos sentimentos...

Dessa maneira, as coisas se complicam...
Aqueles assuntos delicados de mais como vidro fino, em nossas mãos se quebram. Se antes dávamos conta de 3 tarefas, agora cumprimos maléma 1 e meia! Não conseguimos mais ajudar os amigos, os dias bons estão sempre cinzas e as palavras que eram para serem ditas em meio a calmaria saem em meio aos gritos, e por falar nelas....

Ah, as palavras! Tem dias em que seria melhor elas nem saírem!
Mas saem, e na lista dos alvos para as nossas ofensas e comentários ridículos entra Deus, de uma maneira ou outra, querendo ou não.

A boca é algo perigoso sabe? Pois o que sai dela provém do coração,
Se sente primeiro depois se fala. {Mateus 12;36}
Por isso o ditado: "Falei sem pensar" pois a cabeça nada tem haver com esses momentos de aflição. E é aí que proferimos muitas injúrias contra o Senhor e por esse motivo o magoamos, e às pessoas que amamos também! Depois; ficamos culpadas por isso, e se afastamos.

É certo que as coisas vão melhorar, eu sei que sabemos; mas somos um "lago" e sentimos os ventos e os terremotos.

Mas pergunto:
Será?
Será que as mãos que acalmaram o oceano não podem acalmar as ondas de nossos corações? Será que a voz que criou o universo e dá ordens aos anjos celestiais não pode estabilizar as águas do nosso lago particular?

Olha, a grande dádiva da vida cristã não é o que nós podemos fazer e sim o que "Deus pode."
Essa relação prazerosa de amor entre o Eterno e cada uma de nós que O segue, não é baseada em quem nós somos ou sentimos, mas em quem Ele é!
Tenho Compreendido isso,
Mesmo depois de dias em que eu sozinha esbravejava, o Senhor continuava me chamando para perto, e a coisa mais simples do mundo chegava até a mim me fazendo entender como as coisas realmente são além da neblina da aflição, e então eu via que o remetente era Deus.

Essa é a sacada! Essa é a dádiva! Na medida em que se compreende isso, fica mais fácil respirar — ainda de vez em quando se ofega um pouco — mas se segue.

A notícia de hoje é que: "Existe alguém que pode acalmar nossas ondas."
Cristo disse:
“Não se torne o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.” {João 14:1}

Ele já nos avisava de um jeito delicado que; “Ele é suficiente para nós.” Não os terremotos exteriores; os problemas no colégio, aquelas discussões à mesa, o atrito naquela amizade ou as provas para aquela faculdade. Somente Ele!
Se nos focarmos em quem Ele é, e o que Ele pode fazer; então poderemos sobrevier, assim teremos posse de novas forças.

Tem dado certo para mim.
Qual é sua resposta para aquelas perguntas feitas acima? Você colocou na balança o que vale mais? "A Onipotência de Jesus ou nossos problemas particulares?"
Pois então... Ele formou o universo e deu ordem as estrelas com sua voz. Ele pode dizer: “Acalma-te” aos ventos que sopram em nossas vidas e os acalmarem. Tenho certeza disso! ❣

Além de misericordioso para nos prometer Ele também é inexplicavelmente maravilhoso para nos ajudar a chegar até a promessa.
Nem é dever dEle ou algo assim, mas como eu disse: O que Ele faz depende de quem Ele é. E “Ele é bom o tempo todo —  Nas tempestades ou nos dias ensolarados — O tempo todo Ele é bom.”

Esse é o um dos privilégios de ser cristã nos dias de hoje:
"DESFRUTAR DE UM DEUS IMUTÁVEL."

Concentre-se em quem Deus é! Ele é suficiente. Ele pode acalmar nossas águas.
Essa é a mensagem divina. ❣

“E chegando-se a ele, o despertaram, dizendo: Mestre, Mestre, perecemos. E ele, levantou-se, repreendeu o vento e a fúria da água; e cessaram, e fez-se bonança.
E disse-lhes: Onde está a vossa fé? E eles, tremendo, maravilharam-se, dizendo uns aos outros: Quem é este, que até os ventos e à água manda, e lhe obedecem?”
{Lucas 8:24,25}

0 comentários:

Sua opinião é extremamente importante, Comente!