Peças Inadequadas ou Maneiras Inadequadas de usa-las?

21:42 Any Olliver 0 Comments


Fala Garotas!!!
Estamos desfrutando de minha época favorita, e que também mais faz jus à moda: O maravilhoso e renovador Outono! (por mais que esteja parecendo inverno hihi). Sua mudança de clima e sensações térmicas, nos permite experimentar e ousar na elegância e charme quando o assunto é roupas. E é sobre isso que a pauta de hoje discute, não especificadamente sobre moda mas, sobre certas "peças" de roupa que geralmente causam discussões no meio feminino cristão. Todas queremos estar bem vestidas (por mais que digamos não nos importar) e sim, na inocência ou pura ignorância de mentes que vivem atribuladas de outros assuntos, as vezes não paramos para pensar em certas coisas e vamos logo no voto popular.
Bom, as vezes as peças não são "inadequadas" mas a "maneira que as usamos" é. Falemos de um modo bem aberto e íntimo então a respeito de: Peças inadequadas no guarda-roupas feminino e os modos inadequados de usar algumas peças.

•.¸.•*☆.¸.•*.‿.•*☆ஐ☆*•.‿.*•.¸.☆*•.¸.•

Começando por uma peça que é queridíssima no guarda-roupa de praticamente toda menina. Por mais que seja uma peça excelente para academia algumas a usam frequentemente no dia-a-dia. Estou falando da: Calça legging.
Nesse outono com certeza todas a usarão! O que mais vejo é o erro em relação a essa peça. Deve-se tomar muito cuidado e prestar extremamente a atenção.
É uma peça bonita sim, apesar da preta e a branca serem as mais usadas, as  coloridas dão um up no look e são bem confortáveis para a soverteria, escola, alguns trabalho e etc... Mas vocês já perceberam que essa peça mais parece uma "meia" colante?! Exatamente! Uma meia no corpo! Ela é mais uma "acompanhante" do que uma peça principal. Mulheres e meninas cristãs diariamente vestem essas calças em todos lugares, inclusive nas igrejas de maneiras muito inadequadas! Por ex:
As blusas que geralmente vemos acompanhando a legging nos corpos das moças são sempre camisetas ou baby-looks, que na frente do espelho fica "bacana" mas na caminhada a mágica terrível acontece — Por não terem um bom comprimento sobre a leggings as blusas geralmente sobem, deixando amostra o cós da calcinha para quem está atrás. O tecido da legging (que sempre é coton, lycra e malhas bem levinhas), revela "todas" as celulites do bumbum, que por sinal, o coitado fica exposto, muito chamativo, como se uma "briga de socos, de carne, estivesse acontecendo embaixo de um cobertor" a cada passo dado.
Na parte frontal, as coisas não melhoram! Na região "baixa" onde o cós pega, fica extremamente chamativo formando um certo "V" na frente, (que vocês já sabem onde é -_-+) E tenha certeza, esse "V" não é de vitória e sim de derrota! Abrindo margem para aqueles apelidos ridículos (Dedão de camelo, pata de vaca etc...)
Os culotinhos então, que muitas possuem as vezes do lado, pula para fora, pelo fato desse tipo de calça ser muito justa. E esse fato não favorece em nada para as magrinhas pois vistas de longe as pernas ficam muito finas, como palitos, e também as cheinhas não saem ganhando, pois geralmente as encurtam dando um formato achatado e cheio de voltas.
Pois então, não é bom nem pra moda nem para uma cristã! É chamativo demais meninas!
Já cheguei a vivenciar momentos constrangedores em locais públicos onde sempre uma moça chegava com uma legging nessas circunstâncias e chamava a atenção de todos do local, mas não por estar bonito mas por estar constrangedor, inadequado. E elas nem se quer percebiam. É triste isso.
Eu sei que tem a idéia de que "O culpado é quem olha" mas Jesus declara claramente: “Ai daquele homem por quem o escândalo vem.” {Mateus 18:7}
É preciso se importar com isso. Pois virou normal esses modos equivocados de usar legging, mas não é!
“Mas então legguing é uma peça que deveria ser banida do guarda-roupas cristão???”
Não! Não creio que há necessidades disso, a não ser que ela continue sendo usada dessas maneiras. Veja bem,
Nessa estação ela é perfeita! Uma bota, um echarpe, e um sobretudo por cima é deslumbrante sem ser vulgar ou constrangedor. Se vocês forem vesti-la para certos lugares, certifiquem-se de colocar uma blusa cumprida o bastante como uma túnica que é super adequada para usar com esse tipo de calça. Ou um sobretudo mesmo como foi citado, ou ainda aquelas elegantes blusas modelo "mullet" que são mais compridinhas atrás, cobrindo perfeitamente o bumbum.
— 'Pelo amor dos céus prestem atenção no tal "V" frontal, que seja nas magrinhas ou cheinhas fica sempre aparente.'
A opinião alheia realmente não importa muito, mas dar bom testemunho de Cristo, não só de boca, mas de corpo e espírito, isso sim é importante!
Portanto legging pode sim, desde que usada corretamente.

Blusas/Vestidos Tomara-que-caia:
Pois é, essa é outra peça de roupa que antigamente causava uma certa discussão a respeito. É errado usar um tomara que caia?
Bom, o nome já nos passa uma idéia a respeito da finalidade da peça! (rsrs) por mais que foi colocado por brincadeira, era de fato o que os rapazes queriam. Surgiu em 1946 e está em nosso meio até nos dias de hoje.
Para quem possuí um busto avantajado é complicado. A sensação é que a qualquer hora realmente a blusa ou vestido vai cair! E você até teme por isso em alguns casos (como em muitos vestidos de noiva da atualidade que ainda contam com uma sustentação nos seios para evidenciar mais ainda) Esse tipo de peça é um pouco desconfortável e faz com que a moça que a usa, "fique puxando para cima a peça", dano solavancos para arruma-la no busto, para evitar que caia, o que faz todos olhos se voltarem na hora para o seios. E por falar neles, os coitados ficam "caídos" ou achatados, e o peitoral geralmente maior, dano a impressão de que o corpo é uma "coxinha" humana.
Também não é nada bom para a moda e para uma cristã. A não ser de certas e pequenas maneiras de uso. Como por exemplo com uma sobre-posição. Um bolero de renda ou malha também é bem-vindo, ou uma jaqueta de cor mais viva (caso o tomara que caia seja neutro) ou vice-versa, ou ainda um básico colete. Até mesmo as garotas de pouco busto não vale muito apena investir em uma peça tomara-que-caia sozinha, não agrega muito em nada.
Uma vez assistindo a uma ministração para mulheres, com a Pr. Andréia Rocha ela brincou a respeito do tomara-que-caia, ela dizia: — “Nem vem satanás! A minha blusa não cai não! A minha tem alça!” Todos riram inclusive eu, e de fato, se pensando bem, esse tipo de peça pode nos causar grandes sufocos, principalmente em ambientes escolares. Não demos brechas! Se não agrega, descarta ou encaixa no padrão da modéstia e deiscência não é?!

Mini-Saia:
Em uma época de revolução as saias que eram sempre longas, se encurtaram e eram descartadas no meio cristão, mas hoje vemos que ela está presente. Todas possuem uma opinião diferente a respeito da mini-saia. Mas não podemos negar que é desconfortável! Para quem é acostumado a usar pode até dizer que não, mas é sim; Na hora de sentar, onde todas as coxas ficam à amostra, revelando veias e pintas desconhecidas. (rsrs) Na hora de cruzar as pernas onde quem está de frente certamente vê lugares ocultos, e em muitas outras situações que bem sabemos.
Para cheinhas e magrinhas essas saias não agregam muito, não adianta! Elas vão da metade da coxa para cima. Em questão de comprimento de saias e vestidos, os modelos adequados sempre serão; clássico (no joelho ou os deixando de fora), midi (poucos dedos abaixo do joelho) e os demais que vêem a seguir. Não importa o quanto o tempo passe!
Se você comprou alguma peça que ficou um pouco menor que clássico ou modo, analise com atenção e sinceridade, pois dependendo do comprimento da peça e de como ficou no corpo vale apena jogar por baixo uma legguing ou essas meias calças de inverno.
Sei que sobre mini-saia rola aquele ditado: — “Melhor usar mini-saia e ter bom coração do que um saião e uma língua maior ainda.”
Não! “Melhor é ter uma fala na medida certa e em concordância com ela manter a mente a saia e o coração. Todos em perfeita harmonia e união de um bom cristão.”

Badys:
São aquelas peças que parecem um "maiô" chique, que apesar de serem lingerie são usados pelas mulheres normalmente como blusa no dia-a-dia. Por serem realmente bonitos com detalhes em renda, tule, aplicações de brilho e tecidos de animal print, chamam muito atenção de todas. Então uma calça jeans com eles é perfeito para muitas.
Mas essas peças, geralmente são "censuais" de mais por serem lingerie como citado, levam profundos e provocantes decotes e definitivamente são inadequados para serem usadas sozinhas também!
Bom, mas para quem não resiste a seus encantos, se tem até jeito! Há aqueles badys mais elegantes e comportados, sem decotes profundos etc... Mas mesmo assim possuem um corte pequeno e cavado nas costas, aí entra uma jaqueta em ação e fica lindo. Só atenção com a transparência, vasados etc...
Mas bady não é peça para o dia meninas, e sim lingerie. Que fique claro. (rsrs)

Shorts:
Bom, assim como as mini-saias ele basicamente apresenta os mesmos problemas. Para as meninas de pernas finas, se sobram espaços vagos dos lados delas e no meio, o que em um descuido se mostra tudo. Já para as de coxas grossas, se passa uma estrangulação e fica fora de harmonia. Se for de malha o short então... Só para a hora de dormir!
Uma bermuda nesse caso com uma batinha ou uma blusa mais compridinha e soltinha, seria muito melhor; manteria o frescor nos dias quentes, e o estilo despojado, porém descente.

Calças cintura baixa:
Se poder evite! Sempre, principalmente as baixíssimas! Por vários motivos óbvios que já sabemos devido ao pequeníssimo cós e muito baixo.
Mas se for o caso de você já ter alguma calça cintura baixa ou baixíssima no guarda-roupa não há necessidade de joga-la fora. Pois como quase todos as peças de roupa, elas podem serem usadas de uma maneira legal. As soluções possíveis para elas são as mesmas indicadas para as legguings - Use com túnica, blusas mullet, sobretudo etc...

Blusas de transparência e peças da mesma espécie:
Seja renda, tule, malha, são bonitas mas não convém sozinhas.
Olhe muito bem na frente do espelho e de um foco de luz para verificar se o sutiã, calcinha, as coxas ou outras partes estão a amostra. Veja também na luz do sol, pois é nela que as peças de malha geralmente ficam transparentes.
Se for uma blusa pode-se colocar um bolero, jaqueta ou sobre-posição com outra blusa. Se for vestido, um shorts curto de malha por baixo, ou logo uma meia calça com bota, dependendo do modelo e tecido do vestido, resolve o assunto. Como dito, a forma de uso é muito importante!

•.¸.•*☆.¸.•*.‿.•*☆ஐ☆*•.‿.*•.¸.☆*•.¸.•

Bom, resumindo quase todas peças tem jeito! Não deixemos que nossas cabeças cheias e afazeres pesados, roubem nosso exemplo de cristã e nossa decência.
1 Coríntios 11:28 diz: “Examine-se, pois, o homem a si mesmo.” E isso por sinal o Apóstolo Paulo dizia a respeito da Santa Ceia, que é o símbolo de comunhão com o Senhor. E nossa comunhão com o Pai diz respeito à todas nossas obras. Temos que estar em perfeita sintonia com Deus na hora também da vestimenta. ♡
O Senhor é maravilhoso, e sempre nos manda uma "dicas" para nos ajudar nesses assuntos, e o mais importante: Nos deixa o seu "Santo Espírito" para nos orientar. Agora, é preciso escutar sua voz!
Não dá para vestirmos o mesmo que as pessoas que não seguem nossa fé, vestem. Não da mesma maneira. Vemos que algumas peças podemos adaptar, outras é melhor deixar de lado. Mas o importante mesmo é estar ciente com tudo que vestimos. E estar de acordo com o que pregamos.
Mudemos o mundo mudando primeiro nós mesmas, desde os mínimos detalhes até as grandiosas coisas.
E sabe, nem sempre precisamos mudar as coisas, — nesse caso as peças — só o jeito que as usamos!


“Aquele que tudo vê, ama aqueles que cuidam com atenção de sua casa.”

Então, seja fora ou dentro da igreja, cuidem sempre do "templo". Decentes e lindas, acessando sempre a sabedoria e até a próxima meninas. ♡

0 comentários:

Sua opinião é extremamente importante, Comente!