Ore pelo seus ♡

09:10 Any Olliver 0 Comments


Olá meninas! ♡
Em meio a tantas catástrofes, tantas tragédias que invadiram nossas vidas ultimamente, é realmente mais difícil manter a fé.
Nossas crianças estão chorando, nossos pais estão preocupados com o que vão fazer, com "qual problema" devem solucionar primeiro. São poucas as mãos amigas, e as igrejas nos ensinam que devemos manter a fé, mas nem todas nos ajudam com as obras.
Sim! Os tempos são difíceis. Nuvens cinzas se aproximam no nosso leste. A fé tem sido escassa. As investidas são fortes. O vento tem tentado levar tudo que construímos, a força da natureza nunca foi tão forte. Cidades e estados estão sendo destruídos... Maricá, Mariana, Paraná, Zona Sul de SP, e tantas outras entram na lista.
O ódio se instalou nos países e o sangue não para de escorrer. Olhe para França ou para o Iraque, só se pergunta "Porquê?". As organizações estão em conflito? Há discórdia nas políticas dos Países?... O que aquelas famílias tem haver com isso? Aquelas crianças feitas reféns na escola... O que elas tiveram haver com isso? Quem se importa com regras quando se há vidas em risco?!.
Tudo que conquistamos com amor está sendo levado, a água tem corrido como ondas por bairros. O que nos resta?! O céu deveria estar em vermelho, as vezes penso.
Será o fim dos tempos? Tudo indica que sim. Mas, no meio de tanto caos, tanto ataque, Existe nós — Garotas cristãs. Que seguramos as mãos de nossos irmãozinhos aflitos, que acompanhamos o sofrimento de nossos vizinhos, que dizemos aos amigos: -" Vai ficar tudo bem."
Não podemos ajudar tanto não é?! Pelo menos é o que pensamos. O que somos nós perante esses furacões de tormentas?! O que faremos então?! Temos agradecido ultimamente?! Acho que não.
É realmente admirável alguém que teve sua casa saqueada pela brutal força da natureza, ter ânimo, fé e certezas. Não que seja o que deveria acontecer, mas infelizmente as forças minguam perante situações difíceis. Com o que contribuir em uma hora dessas?
Doações de bens materiais são sempre bem-vindas, claro! Se podemos ajudar, isso é indiscutível. Sempre tem algo que possamos contribuir materialmente falando. As missões estão aí, devemos participar se podemos! Mas fora isso, o básico e óbvio - que é de muita valia para quem recebe - há algo mais, há a doação do amor e compaixão, "há o poder do sincero coração, das mãos fechadas, dos joelhos no chão."
As forças deste mundo pode ter nos levado muito, mas ainda respiramos! Sim, ainda estamos de pé. Sim, pequenas mulheres, meninas que estudam e usam sutiã, garotas comuns, até demais — Ainda existimos!
Não, não temos força própria para controlar tudo isso, mas servimos ao Deus que tem.
O mesmo Deus que antigamente operava, vive nos dias de hoje. As tormentas não o afetaram, Ele pode ajudar com um novo início.
As pessoas estão apáticas, é nosso dever, "àquelas que ainda respiram" de sustenta-las! Ainda temos o brilho de Cristo.

O Apóstolo Paulo dizia em 2 Coríntios 4:16: “Por isso, não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia.”
Esse exemplo, essas palavras de esperança, trazem lágrimas aos nossos olhos em meio à esses dias!
Do lado de fora, podemos ter perdido muito sim, aparentemente podemos estar desfalecendo, mas no nosso espírito esses males jamais poderão tocar. E, quando o acessarmos, quando buscarmos ao Pai com nossas orações, Ele irá nos capacitar, e essa força em nós, essa Graça, irá capacitar aos outros que estão ao nosso redor.

Tudo aqui pode drenar nossas forças, mas a Bíblia Sagrada continua verdadeira, e fortificadora. Nela, quando a lemos, podemos ver muitas histórias parecidas com a que estamos vivendo nesses tempos, e vemos que todos se voltaram em oração.
Daniel na covas dos leões, Elias quando fez o desafio aos profetas de Baal em tempos de seca, os Hebreus quando se cansaram das chibatas e da humilhação. Um clamor foi feito, e Ele foi ouvido, Deus enviou salvação. E Ele envia hoje em dia. Ele não mudou, nós também não podemos mudar.

"Adjutora" - Esse foi o status atribuído por Deus à mulher, momentos antes de cria-la. Nascemos para ser fortes meninas, para ajudar, para auxiliar, sustentar.
Então enquanto seus pais estão fracos pela aflição, busque força em Deus para eles, enquanto seu marido/namorado luta por soluções, o sustente em orações. Diga as crianças: "- Vai ficar tudo" Mas diga isso com fé! Afinal, ela vem do Espírito que em vós habita. E nele, o caos não toca. Ele invade nossos medos e incertezas, e nos garante a solução.

Muitos se foram, sim, é triste declarar, mas ainda muitos vivem. E "Enquanto houver vida - há esperança."
Eu creio que um dia tudo vai ficar bem. Catástrofes, e dias cinzas existem, são coisas da vida, não é culpa de ninguém. Mas "Eu sei que o nosso Redentor vive, e que por fim se levantará sobre a terra."
Nossas casas podem terem sido arrombadas, as casas de nossos amigos destruídas, mas nossa fé ainda pulsa. Somos pequenas, como uma estrela, mas juntas brilhando como nunca, iluminaremos o céu inteiro como uma legião de garotas que ainda respiram, que ainda possuem fé.
Deus nos ajudará com um novo recomeço!

Seja forte pelos seus menina. Seja o pilar que sustentará sua casa em oração. Interceda. Cultive a fé, creia e coloque também sua fé e amor em ação, sempre que poder.

....... ....... "A forma mais poderosa de amar alguém é orando por ela. Pois o poder da oração não depende de quem a faz, e sim de Quem a ouve." (Max Lucado) ....... .......

Ore pelos seus! E creia em um novo amanhã. Você ainda respira!
Deus está renovando nosso espírito para vivermos novos tempos.

P.S: Que o Senhor dê Graça à todas famílias afetadas atualmente no mundo, e a Maricá e região. Essa é minha oração. ♡

0 comentários:

Sua opinião é extremamente importante, Comente!